Rede "Elite a Pasto" é lançada em Júlio de Castilhos

Por Regional 24 Horas em 08/07/2024 às 15:19:40

A Rede de Desenvolvimento da Produção Leiteira Eficiente à Base de Pasto teve seu lançamento realizado nessa quinta-feira (04/07) pela Emater/RS-Ascar, em Júlio de Castilhos, durante uma capacitação técnica realizada no assentamento Santa Júlia. O projeto foi desenvolvido a partir de uma análise detalhada da realidade local, conduzida através da "Radiografia da Produção Leiteira", que vem sendo realizada paralelamente pela Instituição no município.

A Rede Elite a Pasto tem como objetivo explorar o potencial de rentabilidade da produção leiteira baseada em pastagens, utilizando os recursos disponíveis nas propriedades das famílias. Para isso, a iniciativa se vale de conhecimentos científicos avançados e tecnologias adequadas às especificidades locais.

"Estão sendo formados grupos comunitários para que a Extensão Rural possa atuar com estratégias coletivas, mas in loco, levando conhecimento técnico-científico para responder às demandas e anseios das famílias e comunidades, conforme as suas particularidades e recursos", ressalta Leandro Ebert, extensionista rural que está à frente da iniciativa. Com uma proposta de atuação em rede, o projeto também prevê o intercâmbio de experiências entre participantes de diferentes localidades do município, combinando estratégias tradicionais com ferramentas digitais. "Isso para que o conhecimento seja compartilhado e as experiências sirvam para uma construção coletiva, extrapolando os limites dos resultados individuais em cada propriedade ou comunidade", explica Ebert.

O primeiro grupo da Rede Elite a Pasto já iniciou suas atividades no assentamento Santa Júlia. Após uma discussão inicial com a comunidade e a formação do grupo, foram iniciados trabalhos de assessoria individual às propriedades, estabelecido um grupo virtual para comunicação entre os participantes e realizada a primeira atividade de capacitação técnica, cuja proposta visa embasar e fundamentar cientificamente as ações nas propriedades.

A atividade ocorreu no salão comunitário da localidade, nesta quinta-feira (04/07). Na reunião, Ebert apresentou uma proposta para dobrar o consumo de pasto no inverno, a partir de técnicas que permitem aumentar o tempo de pastejo diário dos animais e ainda elevar a quantidade de pasto consumida por tempo, com Pastoreio Rotatínuo. De acordo com o extensionista, para os próximos meses de inverno, de forma geral, somando áreas tradicionalmente de pastagens com áreas de Integração Lavoura-Pecuária, há boa disponibilidade de pastagens para os rebanhos, mas que, de forma geral, são subaproveitadas. "Assim, essa primeira proposta visa aplicar técnicas que permitem utilizar melhor esse recurso para converter em mais produtividade a custo mais baixo ao maximizar o consumo de pasto pelos animais", reforça.

Na próxima semana, está agendada uma reunião inicial, como parte da "Radiografia da Produção Leiteira" no assentamento Alvorada e, conforme avançam as visitas e reuniões da Radiografia, serão propostos novos grupos nas demais comunidades, com metodologias e ações a serem construídas a partir das demandas e necessidades de cada localidade.

Comunicar erro
02

Comentários

03
Universitarias Club Goiania