General Motors anuncia investimento de R$ 1,2 bilhão em Gravataí

Por Regional 24 Horas em 11/07/2024 às 14:24:40

A multinacional norte-americana General Motors anunciou o aporte de R$ 1,2 bilhão em solo gaúcho. O anúncio ocorreu nesta quinta-feira, durante cerimônia na fábrica da companhia em Gravataí, na Região Metropolitana de Porto Alegre. A ocasião contou com a presença da cúpula da GM na América do Sul, representantes do Executivo Estadual e demais autoridades.

O montante faz parte do ciclo de investimentos de R$ 7 bilhões que a GM pretende aportar no Brasil até 2028, conforme anunciado pela própria multinacional no início do ano. A ideia é que os valores sejam destinados para adequar as fábricas instaladas no país rumo, no desenvolvimento da produção de mobilidade sustentável e na renovação de portfólio. Em Gravataí, o aporte bilionário será utilizado para modernizar a estrutura do polo automobilístico. A cifra também será investida na produção de novo modelo de veículo.

"Em 24 anos, esse é o quarto investimento da GM em Gravataí. Isso vai nos permitir lançar um novo modelo de veículo, que terá capacidade de concorrer em mercados que vão além da Americana do Sul", destacou o presidente da GM no continente.
Os números comprovam a importância econômica da montadora para a cidade. Desde a abertura da fábrica, Gravataí saltou da 12ª para a 4ª maior economia do Estado. A estimativa é que a GM seja responsável pela geração de aproximadamente 23,5 mil empregos diretos e indiretos no estado.

PROTAGONISMO

O governador Eduardo Leite apontou o papel de protagonismo da GM para a recuperação do estado após o dilúvio. Ele também agradeceu os mais de 300 funcionários da empresa que se uniram a grupos voluntários durante a catástrofe.

"A calamidade pública que enfrentamos dói na alma do povo gaúcho, mas nossa resiliência é a certeza de que sairemos mais fortes. O anúncio da GM nos trás a certeza que vamos superar isso. Quem investe R$ 1,2 bi confia no RS, assim como nosso estado confia na GM. Isso nos injeta otimismo, motivação e confiança", enfatizou o governador.

Os números comprovam a importância econômica da montadora para a cidade. Desde a abertura da fábrica, Gravataí saltou da 12ª para a 4ª maior economia do Estado. Segunda a prefeitura de Gravataí, cerca de 50% da renda do município tem relação com a multinacional. A estimativa é que a GM seja responsável pela geração de aproximadamente 23,5 mil empregos diretos e indiretos no estado.

O presidente do Sindicato dos Metalúrgicos de Gravataí (Sinmgra), Valcir Ascari, destacou a importância do investimento para a recuperação de quem perdeu tudo na enchente. Ele também defendeu que a produção nacional de veículos é imprescindível para a manutenção de empregos e fez críticas à importação de automóveis.

"Trabalhamos muito por esse investimento. O montante será distribuído no comércio e vai gerar mais empregos em Gravataí. Por isso que importar apenas carros fabricados na China, ou vindos de qualquer outro lugar, é o mesmo que reduzir empregos no Brasil e no RS", afirmou o presidente do Sinmgra.

Em 2023, a General Motors comemorou a marca de 4,7 milhões de veículos produzidos em Gravataí. A fábrica iniciou as atividades no município em 20 de julho de 2000, com a produção do Chevrolet Celta, sendo a primeira unidade da GM no Brasil fora do estado de São Paulo.

O complexo industrial na região Metropolitana produz cerca de 1,1 mil automóveis por dia, que são exportados para todos os países da América do Sul. Paralelamente à fábrica principal, outras 13 empresas funcionam na área, produzindo peças e acessórios para os veículos.

Além da unidade em Gravataí, a GM ainda possui outras quatro fábricas em território nacional. Três dessas estão em São Paulo, nas cidades de São José dos Campos, São Caetano do Sul e Mogi das Cruzes. A última fábrica opera no município de Joinville, em Santa Catarina.

Fonte: Rádio Guaíba

Comunicar erro
02

Comentários

03
Universitarias Club Goiania